Artigo mostra uma nova caracterização de redes complexas usando quantificadores da teoria da informação

qui, 14/11/2019 - 09:45
Português, Brasil
Publicado na Scientific Reports/Nature

Compreender a estrutura e a dinâmica das redes é de suma importância para muitos campos científicos que dependem da ciência de redes. A teoria de redes complexas fornece uma variedade de recursos que ajudam na avaliação do comportamento da rede. No entanto, essa análise pode ser confusa e enganosa, pois há muitas propriedades intrínsecas para cada métrica de rede. Como alternativa, os métodos da Teoria da Informação ganharam destaque devido à sua capacidade de criar uma caracterização quantitativa e robusta dessas redes.

Neste trabalho, usamos dois quantificadores da Teoria da Informação, a Entropia de Rede e a Medida de Informação de Fisher de Rede, para analisar essas redes. Nossa abordagem detecta características não triviais de redes complexas, como a transição presente no modelo Watts-Strogatz do anel k para gráficos aleatórios; a transição de fase de uma rede desconectada para uma rede quase certamente conectada quando aumentamos a probabilidade de ligação do modelo Erdős-Rényi; fases distintas de redes sem escala quando se considera um acessório preferencial não linear, adequação e recursos de envelhecimento ao lado do modelo de configuração com uma distribuição pura de graus de direito da energia. Finalmente, analisamos os resultados numéricos para redes reais, contrastando nossas descobertas com métodos tradicionais de redes complexas. Em conclusão, apresentamos um método eficiente que acende o debate sobre a caracterização de redes.

O artigo A detailed characterization of complex networks using Information Theory tem como autores: Cristopher G. S. FreitasAndre L. L. AquinoHeitor S. RamosAlejandro C. FreryOsvaldo A. Rosso.